16 de fev de 2012

The Rest Of My Life Capitulo 12

Levantei da cama, me troquei e fui ao encontro de Tommy, aliás nem sabia se ele iria mesmo até la.
~x~
Já fazia algumas horas que eu havia chegado no parque, eu já estava cansada de esperar levantei e comecei a andar de um lado pro outro, cansei e depois sentei novamente eu já estava cansada de ficar esperando por ele, levantei para ir embora ouço a voz dele chamar.
- Jane! – Ele disse ofegante – o que você queria falar comigo? – disse controlando a respiração e ficando de frente para mim
- Tommy – disse seria – olha, o que eu tenho pra te dizer é que .. olha .. – comecei a gaguejar – é.. não sei se foi você que fez aquilo mas ..
Fui interrompida e senti seus lábios colados nos meus tinha um toque suave  e bem delicado ele pediu passagem mas eu não cedi, e me afastei dele dando um tapa em sua face.
- Ta louco é? – disse com raiva vendo seu rosto avermelhado
-não – ele disse colocando a mão no local – só fiz o que eu deveria ter feito a muito tempo Jane!
- Como assim muito antes? – perguntei – você .. não! Não acredito Tommy! – disse balançando a cabeça
-  É Jane, eu me apaixonei por você! – ele disse serio e eu podia ver ternura em seus olhos – e todas as vezes que eu dizia que te amava não era só como amigo!
- foi por isso que você quis se afastar de mim?
- sim Jane, - ele disse sentando – eu sabia que você nunca olhara para mim como mais do que um melhor amigo! – ele disse de cabeça baixa!
- Tommy, não queria ser Grossa com você! Apesar de que você esta mudando totalmente o rumo dessa conversa – disse seria – mas você sabe que nem teria como isso acontecer! – disse
- sim – ele disse rindo fraco – então o que vc iria falar?
- é sobre o que aconteceu hoje na escola! Justin me contou o que vc falou a ele, mas eu não consigo, não tem como não ser você Tommy! – disse indignada
- Jane, você não entende! – ele disse serio – não fui eu, só preciso que acredite em mim! Eu não seria capaz de te machucar! Eu te amo! – ele disse pegando uma de minhas mãos
- Não seria capaz de me machucar? Tem certeza? – disse incrédula – se você nao quisesse me machucar não tinha dito tudo aquilo que disse na frente do Justin e de pessoas que eu se quer conheço! – disse sentindo lagrimas se formarem – e muito menos teria me abandonado sabendo que eu precisaria de apoio!
- Não pequena! – ele disse me abraçando – eu não fiz por mal juro! Eu fui movido pela raiva!
- Raiva? – perguntei me afastando – de que? De mim? De você não ser correspondido?
- Não Jane, você não vai entender! – ele disse deixando uma lagrima cair – só quero que você acredite em mim, não fui eu quem fez aquilo!
- impossível Tommy, so você sabia! – disse – era uma conversa nossa! – disse brava
- Mas não fui eu, por favor, o que eu faço pra você acreditar em mim? – ele perguntou
- Então me diz quem foi? – disse seria – quem poderia ser?? Hum .. ah não já sei! foi o passarinho do twitter que por acaso viu nossa conversa e pediu pra amiga dele a impressora imprimir tudo e mandar la pra nossa escola! – disse irônica e fazendo caras e bocas
- Não posso te falar – ele disse – isso eu não posso falar, é pro seu bem Jane! Por favor não posso ..
-Atah- eu o interrompi -  então pra mim continua sendo você Tommy! – disse e sai de la
Cheguei em casa me deitei e por um instante me lembrei de tudo que Tommy disse, lembrei dos seus olhos que pareciam estar dizendo a verdade! Lembrei das promessas que fizemos quando éramos mais novos das coisas que ele me dizia, de como ele me protegia e dos sinais que ele dava do interesse por mim que eu nunca havia percebido, fiquei me revirando na cama por um tempo e acabei dormindo.
~x~
Sabado acordo com Joe pulando inquieto na minha cama.
- Jane, Jane! Acordaa! – ele dizia em quanto pulava
- que foi? – disse sonolenta
- Vamo sair! – ele disse sorridente
- Pra onde? – perguntei me sentando na cama
E antes mesmo que Joe respondesse minha mãe entrou no quarto
- Vamos Jane Levante, vamos almoçar fora hoje! – Ela disse arrastando o Joe – estamos te esperando la em baixo, ande logo – ela disse saindo de la
Olhei no relógio e vi que já era quase meio dia então levantei da cama num pulo, me arrumei e desci, mamãe e Joe automaticamente já foram saindo de casa eu fui em direção ao carro.
-Filha, vem! – mamãe disse – é perto não precisamos de carro
Eu apenas fui, fui distraída ainda pensando em quem poderia ter feito aquilo e por um segundo me lembrei dos olhos do Tommy que pareciam transmitir verdade e fiquei me perguntando durante o caminho “quem poderia ser?”  fui tirada de meus devaneios quando chegamos vi que era a casa do Justin.
- Oii Bell – pattie veio nos cumprimentar sorridente
Oi – minha mãe disse e já foi indo pra sala conversar com a Pattie
- Joe, Va até aquela mesinha – pattie apontou – e pegue o vídeo game portátil do Justin pra você jogar!
Ele foi correndo e alegre!
- Ah, Jane! Justin esta la em cima 3ª porta – ela disse apontando pra escada e dando uma piscadinha.
OK – disse e subi
Quando cheguei na 3ª porta vi que ela estava so encostada, já que eu e Justin estávamos até próximos eu achei que não seria tão errado se eu entrasse, mas quando entrei vi que a idéia que eu tive foi totalmente errada.

E AI GENTE O QUE ACHARAM ?? TA FOI MUITO IDIOTA A PARTE DO " ah não já sei! foi o passarinho do twitter que por acaso viu nossa conversa e pediu pra amiga dele a impressora imprimir tudo e mandar la pra nossa escola!" KKKKKKKKKKK' ta mais tirando isso! Gostaram ?? e ai o que acham que vai acontecer ?? comentem! com 5 comentarios posto o 13 Bjs

5 comentários:

  1. continuuuuuuuaaaa sera q ela vai veer o bieber com alguma garota ? nooos continuua k'

    ResponderExcluir
  2. amei! continua logo, tô curiosa para saber o que ela viu, será uma garota? eu pensei que talvez não, não sei! please, não me maltrata e posta logo o cap 13, please! By: @ImBelieberTrue

    ResponderExcluir
  3. TO MTO CURIOSA VEEEEEEEI

    ResponderExcluir
  4. viixi .. continua larii .. agr eu fiquei curiosa com q vai acontecer .. kk

    ResponderExcluir