28 de jan de 2013

The Rest Of My Life Capitulo 30


- Oi – disse pegando o livro que estava na mao dele e saindo de perto dele
- Onde voce vai? – ele disse em portugues
- Pra minha sala! – eu respondi
- Voce faz arquitetura? – ele sorriu
- Sim! – Agora pode se retirar?
- A professora não veio hoje! – ele riu – temos aula livre
- Ah obrigada por avisar! – ri sinica e continuei sentada –espera! – pensei – Temos aula live?
- Sim! – Ele se sentou ao meu lado
- Como voce sabe? – perguntei brava – e o que voce ainda ta fazendo aqui?
- Tinha um Comunicado no email – ele sorriu – hey eu estudo aqui!
- O que? – fiquei pasma com a noticia  quando lembrei – Voce é o menino que ficava dormindo! Não acredito! – cruzei os braços
- Quem aguenta aquelas aulas chatas? – ele riu – não sabia que voce estava aqui em Harvard!
- Neu eu que voce estava aqui, e muito menos na mesma sala que eu! – bufei
- Hey, eu morei aqui! – ele sorriu – e alem do mais sempre sonhei em fazer arquitetura!
- Da licença, já que não vai ter aula vou pra casa! – sai e o deixei la

Eu não estava acreditando no que estava acontecendo, era coisa demais pra minha cabeça. Entao eu não estava ficando louca, foi ele mesmo que eu vi quando passei de carro. Sai da universidade e fui andando, no meio do caminho encontrei chaz .

- Ei Jane! – Chaz me comprimentou – somos as unicas almas na rua a uma hora dessas – ele riu
- Pois e! – ri –  voce também não tem aula hoje?
- É – ele riu – ninguem teve aula hoje – Bora la pra casa, já ta todo mundo indo pra la!
- Vamos! – sorri
Fui para a casa de Chaz, chegando la, Cait não estava. Vi apenas Ryan e Chris .
- Oi amor! – Ryan veio me dar um beijo
- Oi –  sorri – Cade a Cait Principe?
- Ela não vem! – ele disse com desanimo – e eu tambem não queria vim!
- Por que?
- Chaz chamou ele! – ryan revirou os olhos
-Mais caitlin precisa vim! – disse abismada – Vou até la busca-la!
- Ela não vai vim amor! – ryan riu
- Entao vamos ver! – dei um beijo nele – já volto! – e sai

[...]

Quando cheguei, fui ate minha casa primeiro, fui direto para a casa da Caitlin convence-la a ir até a casa doChaz.

 - Jane eu não vou até la! – ela disse quase chorando – não vou ter coragem de ver ele!
- Vai amiga! – voce vai – vou estar la com voce!  -  disse convicta - voce é forte e consegue!
- Ok amiga – ela sorriu – eu consigo! – saiu correndo pro closet – não sei o que vestir!
- Vai simples amiga – sorri – não se arruma demais não se não ele vai pereceber que voce se arrumou para ele! – ri
- Amiga, vai se arrumando eu preciso ir ate minha casa! – precisava falar com Tommy – preciso falar com um amigo meu la do brasil!
- Ok  amiga! – não demore
- Acho que vou demorar! – sorri – pode ir que eu te encontro la!
- Ta bom amiga! – ela riu – mais não demore muuito não quero ficar sozinha la com ele
- Ta bom! – a abracei – boa sorte!

Fui correndo para casa, liguei meu computador! E nada do Tommy por la, peguei o celular e tentei ligar, naada de atender. Mais que Droga, entao resolvi ir logo para a casa do Chaz. Quando desci Cait já tinha ido, entao fui sozinha mesmo.
Quando cheguei la, tinha mais gente, os menino estavam na piscina, Cait estava na cozinha, fui ate la.

- Oi amiga! – sorri – e ai já falou com ele?
- Não ele não chegou ainda! – ela sorriu – to nervosa!
- Ram ram – alguem nos interrompeu
- Que foi Chaz? – Cait disse
- Chegou! – ele disse sorrindo – ta la na piscina!
- Vai la amiga! – disse empurrando a Cait
-E seja o que Deus quiser! – ela sorriu e foi

Fiquei na cozinha por um tempo, preparei algo para comer. Eu estava faminta. Fiz um sanduiche, comi e depois resolvi dar as caras la na piscina.

- Amor – Ryan disse sorrindo – quero te apresentar me melhor amigo!
- Cade ele?
- Ta sentado ali – ele apontou para um garoto de preto – Dude! – ele chamou  quando nos aproximamos e o garoto se virou

Não estava acreditando, era demais pra mim.

- Jane? – ele sorriu – o que faz aqui?
- Se conhecem? – Ryan perguntou
- Sim Cara,  - ele sorriu – eramos amigos la no Brasil!
- É! – confirmei fingindo estar alegre e sorri forçado
- Entao voce sabe o quão maravilhosa ela é! – ryan sorriu e me deu um selinho
-Voces estao namorando? – justin perguntou parecendo não entender nada
- Sim! – Cait interrompeu – olha que perfeito Jus o anel que ele deu pra ela! – ela apontou para minha mao
- Perfeito – sorri sincera – e o mostrei!
- Gente tenho um compromisso agora! – justin disse olhando o relogio
- Mas Já? – Cait disse triste – fica mais um pouco?
- Não posso pequena! – ele disse acariciando o rosto dela não pude crer ele chamou ela de pequena tentei não deixar a raiva tomar conta de mim – tenho que ajudar minha mae a resolver umas coisas.
- Ok entao Jus! – ela sorriu mas com os olhos tristes
- Tchau Gente! – ele disse e saiu

[...]

Mais tarde quando cheguei em casa, parei pra pensar. Meu Deus, ele foi namorado da minha mais nova melhor amiga, ela ainda é completamente apaixonada por ele. Eu estou namorando o melhor amigo dele, e sou completamente apaixonada por ele. Mas que confusão. Fui interrompida pelo barulhinho do skype. Uma chamada de Tommy

- Oi Tommy! – disse baixo astral
- O que aconteceu Jane? – ele quis saber
- Tenta adivinhar? – ri desanimada – é uma confusao só – coloquei a mao na cabeça
- Conta! – ele disse se ajeitando na cama
- É uma longa História!

Ficamos conversando, contei toda a historia para ele, ele ficou escandalisado com tudo, não sabia nem o que dizer, ou seja eu estava completamente perdida. Não sabia o que fazer, depois da conversa com Tommy, chequei o email da turma e estava la o aviso da professora, que não havia aula durante essa semana por estar faltando alguns professores da rede. Tomei um banho, e deitei. Pensei em tudo que já havia acontecido em minha vida, nas mudanças, boas e ruins, nas pessoas que conheci, nas coisas erradas que fiz, e nas escolhas que eu acabei fazendo.  Em como seria de agora em diante, como  seria meu convivo com meus amigos que sempre foram amigos dele, des da infancia . Milhares de coisas se passaram em minha cabeça, me entreguei ao choro, e adormeci.

Acordei era quase 5 h da manha, revirei na cama e entao me vesti e sai, fui andando sem rumo, achei uma trilha, resolvi seguir, ouvi um barulho fiquei meio assustada mais era um gato, ri do meu medo, e continuei andando, ate que cheguei perto de um pequeno espaço verde com um lago, pro outro lado tinha um campo plano e verde tentei olhar mais não pude ver direito já estava claro,  me sentei um pouco em um tronco  fiquei olhando pra agua fui interrompida quando meu celular tocou.

- Oi mae!
- Onde voce esta uma hora dessas Jane?
- To indo pra casa, sai pra andar!
- Andar em pleno 6:30 da manha? Ta louca filha?
- Já to indo mãe! – desliguei e voltei para casa.
Quaqndo cheguei em meu quarto deitei, e acabei adormecendo novamente.

[...]

- Jane! Jane! – caitlin me sacudia
- que foi ? – disse assustada
- Vamos ao cinema hoje! – ela disse sorridente
- Voce e Justin? – tentei sorrir sinceramente
- Nãao ne dã! – ela disse fazendo careta – nós 4 né! – ela disse como se fosse obvio
- O que?
- Eu voce, Justin e Ryan! – ela sorriu
- Não Cait! – me sentei – não estou muito bem!
- O que voce tem amiga?
- Estou meio enjoada e com dor de cabeça!
- Talvez voce melhore ate de tarde!  - ela disse meio triste
- É! – disse tentando me animar
- Vou deixar você descansar amiga! – ela saiu do quarto

Eu fiquei ali um tempo apenas olhando pro teto, depois peguei o computador, fui olhar meu twitter tinha tempo que não olhava. Tinha uma DM do Matt .

“Jane, saudades minha linda! Olha, o aniversario do Joe ta chegando estamos pensando em leva-lo ai pra um passeio.”

Isso me deixou feliz, liguei o msn pra ver se ele estava on, e por sorte estava.

- Oi Matt *--*
- Heey Jaane!  Como esta?
- Estou levando, desculpe por não responder a DM . Não estava entrando no tt
- Relaxa meu anjo! Mas ai o que achou da idéia que tivemos?
- Otima, eu adoraria. Já que não poderei ir para o Brasil tão cedo :/
- Mas estamos vendo ainda!Adivinha quem chegou aqui ?
- Joe?
-Sim, espere  vou ligar a câmera.

Ele ligou a câmera e conversamos por vídeo.

- Oi meu pequeeno! – disse sorrindo
- Oi maniinha – ele sorriu também – estou com muita saudade! – ele disse abraçando Matt
- Eu também pequeno! – não contive minhas lagrimas
- Não chora maninha! – ele disse com os olhinhos cheios de lagrimas – cadê a mamãe?
- Meu amor, ela ta no trabalho – disse - a noite ela te liga quando chegar ta?
- Ta bom irmã! – ele me deu um Tchauzinho – tenho que ir, vou na casa do meu amiguinho!
- Tudo bem Joe! – sorri – se cuida meu anjinho Te amo! – joguei um beijo
- Também te amo – ele jogou um beijo e saiu correndo
- Ele anda bem tristinho – Matt disse – hoje ele ta mais alegre porque vai na casa desse amiguinho da escola!
- É, agente era bem grudado – disse triste
- E ai – ele se endireitou na cadeira – como esta em Harvard?
- Ah, esta ótimo! – sorri – fiz amigos ótiimos aqui! – sorri – adivinha quem esta aqui em Harvard e na minha sala? – mudei de expressão
- Quem? – ele riu – Justin?
- Acertou – disse olhando pra baixo – não acredito sabe, não sei pra que ele apareceu aqui.
-Mais Jane! – ele riu – eu acredito que ele goste de você!
- Não ele não gosta de mim Matt!
- Sim Jane! – ele sorriu – ele gosta, e eu sei disso!
- Como? – perguntei confusa
- sim Jane! – ele se endireitou novamente na cadeira – ele nao me disse nada, mas eu percebi!
- Não Matt, você voltou com isso? – perguntei indignada – nao acredito!!
- Não Jane! – ele riu – ta louuca? Não quero isso nunca mais na minha vida! – ele riu novamente – eu percebi pelo jeito como ele te olhava.
- Como assim?
- Lembra naquele dia, la na sua casa no seu quarto jogando vídeo game? – ele riu – ele te olhava com ternura Jane! – ele parecia se recordar do momento ou de como ele me olhava
- Mas ele estava namorando a Ronnie! – ri – claro que ele gosta de mim e vai namorar outra Matt! – disse irônica
- Jane, talvez ele tivesse outros motivos pra isso! – ele se calou por um instante – sei la ele devia achar q vc não ligava pra ele, ou sei la .
- Não isso não tem nada a ver !
- Preciso desligar agora! – ele fez cara de triste – Depois nos falamos!

Depois que desliguei o computador fui pra sala, fiquei la vendo TV achei um canal que estava passando X-Factor eu adorava ver la no Brasil, então fiquei vendo.

[...]

E assim se resumiu meu dia, que passou voando, dei Graças a Deus por Ryan não ter aparecido. Caitlin havia ligado, e eu disse que não estava bem, mas pensando bem eu não tinha mentido para ela.  Já era Noite.

- Filha já vou! – disse minha mãe dando um beijo em minha cabeça – vou sair com as amigas do trabalho!
- Ok Mae! – sorri – se divirta!
- Não vai sair com seu namorado? – ela quis saber
- Não mãe! – sorri – hoje vou ficar em casa mesmo!
- Ta qualquer coisa me ligue querida! – ela mandou beijo e saiu

Otimo, pensei estou totalmente sozinha fiquei mais um tempo vendo TV e quando criei coragem me levantei do sofá para ir pro quarto foi quando a campainha tocou.

- Esqueceu a Chave? – disse sorrindo ao abrir a porta meu sorriso se desfez ao ver que não era minha mãe e sim justin – como descobriu onde eu moro?
- Eu não sabia que era aqui! – ele sorriu – encontrei sua mãe la na rua eu estava passando aq e ia visitar a Cait, vi sua mãe ela disse que vocês estavam morando aqui!
- Droga! – resmunguei
- Posso entrar? – ele pediu inquieto me olhando fixamente com aqueles olhos perfeitos onde eu podia me perder
- Entra! – disse e larguei da porta e voltei pro sofá
- Porque você mal olha pra mim? – ele quis saber- eu te fiz algo?
- Não justin nada! – sorri e liguei a TV
-Jane! – ele me chamou com a voz firme
- que foi? – disse sem tirar os olhos da Tv
- Podemos conversar?
- Fala! – disse pouco me importando
- Olha pelo menos pra mim por favor? – ele se levantou – poxa Jane, você quando quer e irritante sabia?

Eu apenas ri

- E ainda ri? – ele disse serio
- Sim – ri novamente
- Eu adoro seu jeito! – ele disse e abriu um lindo sorriso
- ah vc me ama justin!- disse de zoeira
- sim jane! – ele riu

Ficamos em pleno silencio, por um tempo.

- Preciso ir! – ele disse quebrando o silencio – ganho pelo menos um abraço seu?
- pra que? – fiz careta
-Se não quer não precisa! – ele disse indo em direção a porta
- Espera! – disse indo atrás dele
- Que?

Ele se virou e nos aproximamos, eu o olhei por um instante,fixamente, ele me encarou com aqueles olhos lindos e sorriu, sorri ao ver o seu sorriso, um dos mais perfeitos que ele já tinha dado. Não sei o que aconteceu naquele momento, senti minhas pernas tremerem, meu coração acelerar, ele pegou em uma de minhas mãos que estavam soando, se aproximou, e nos abraçamos. Forte, tanto eu quanto ele, me senti a pessoa mais protegida do mundo inteiro, ali envolvida por aqueles braços que agora estavam um pouco mais fortes. Não senti vontade de terminar aquele abraço, mas infelizmente nossos corpos se separaram, ele sorriu novamente e me deu um beijo estalado no rosto.

- Boa noite pequena! – ele sorriu e saiu

E AIIIIIII AMOREEES O QUE ACHARAAM DO CAPITULOO?? ESTAO GOSTANDO?? COMEENTEM POSTO O PROXIMO COM 6 COMENTARIOS *-* FICO TAO FELIZ DE SABER QUE VOCES GOSTAM *-* ASSIM QUE CHEGAR AOS 6 COMENTARIOS EU POSTO O CAP 31  BEIJIINHOS >< 

21 de jan de 2013

The Rest Of My Life Capitulo 29


- Ryan! – disse completamente sem reação – não sei o que dizer! – sorri
- Diga que sim! – ele disse com um sorriso maravilhoso
- Eu aceito! – disse e imediatamente ele se levantou e nos beijamos

Caitlin, Chris e Chaz começaram a gritar, mas nos nem ligamos. Foi tão emocionante ninguém nunca tinha feito algo do tipo comigo, acho que e porque agora eu estou mais feminina, antes eu andava masculina demais. Ri pensando nisso.

- Princesa, - ele disse acariciando meus cabelos – vamos jantar essa noite?
- Vamos Príncipe Lindo! – sorri
- Vamos la pra casa Gente? – Chaz sugeriu – meus pais estão fora!
- Festa na piscina? – Caitlin sorriu
- Claro – Chaz sorriu e fez um toque com Chris
- Obaa! – Ryan sorriu – Bora?
- Vamos la em cima pegar biquíni e nossas coisas! – Caitlin disse a eles
- Me espera? – disse a Ryan
- Claro! – ele me deu um selinho – vamos ficar esperando aqui em baixo
- Ta bom! – nos despedimos e eu subi com a caitlin

Procurei por toda parte um biquíni, mais nada de eu encontrar um que prestasse todos estavam pequenos, fazia muito tempo que eu não ia a piscina.

- Vamos? – Caitlin veio me apressar
- Amiga, nenhum biquíni meu serve em mim! – desanimei – estão pequenos, acho que não vou!
- Claro que vai! – ela saiu me puxando – vou te emprestar um!

Fomos ate a casa dela, ela tinha um closet enorme, nunca tinha visto tanta roupa na minha vida, tenho certeza que Tiffany morreria de inveja, ou no mínimo tentaria por fogo em tudo só pra ver a desgraça dela, acho que nunca deixaria de odiar aquela patricinha idiota. Bom Caitlin tirou vários biquínis do closet , tinha de varias cores e modelos, ela fez com que eu experimentasse vários . Ate que em fim entramos em um consenso. Vestimos e descemos Ryan e os meninos já estavam no carro nos esperando. (biquíni)

Fomos para a casa de Chaz, la era muito bonito e ficava bem perto da universidade, ele parecia ser bem rico, Chris já foi entrando e tirando a camisa indo correndo para a piscina.

- Fique  a vontade Jane! – ele sorriu – seja bem vinda a sua 2ª casa! – deu uma piscadinha
- Ei – Ryan disse dando um soco nele – voce esta cantando minha namorada?
- Não dude! – ele disse saindo fora – bora pra psicina
- Vamos ? – Ryan disse e me deu um selinho
- Já vou ! – sorri – pode ir com os meninos daqui a pouco to la! – dei um selinho nele e ele foi
- Ain que amor! – Caitlin disse sorrindo
- Não amo o Ryan! – disse revirando os olhos – estamos começando um romance! – sorri
- Voce tinha namorado la no Brasil? – caitlin quis saber
- Não – disse mas minha mente foi em busca dos meus momentos com Justin  pensei em dizer que eu era completamente apaixonada por um garoto  mas não era o momento eu estava com ryan e deveria esquecer justin -  no brasil so existem idiotas! – sorri forçando
- Ah – Cait sorriu – me disseram que la tem muitos garotos bonitos!
- Sim tem – sorri – mais são todos idiotas!
- Por que diz isso?
- Por nada Cait! – sorri – vamos?
- Vamos – ela disse tirando o shorts

Fomos para a área onde ficava a piscina, era tão lindo, uma piscina enorme,  so faltava os Tobogan ri de meus pensamentos, fomos em direção as cadeiras para deixar nossas coisas, e logo em seguida pulamos na piscina, brincamos de briga de galo, eu e Ryan contra Cait e Chaz. Foi bem divertido, depois saimos da piscina e ficamos sentadas com os pés na água. Ryan de vez em quando vinha me dar um beijinho, ele era tao fofo, um ótimo namorado.

- Cait – sorri – E voce e chaz, certeza q não rola ? – disse vendo se os meninos estavam longe
- Certeza amiga! – ela suspirou pesado – meu coração so tem um Dono!
- Nossa o que esse garoto tem demais hem? – sorri
- Ah – ela suspirou apaixonada – ele tem os olhos mais lindo de todo o planeta  e o sorriso? O mais perfeito!
- Qual a Graça dele? – sorri – como ele se chama?

Fomos interrompidas com Chaz puchando caitlin pra dentro da piscina, enquanto os dois ficavam jogando agua um no outro aproveitei e fui pegar um pouco de sol, Ryan saiu da agua e se sentou ao meu lado, não disse nasa so ficou ali me observando.

[...]

Estava quase anoitecendo, eu tinha acabado de chegar em casa fui procurar uma roupa, hoje eu iria jantar com o Ryan! Fiquei horas e Horas, mas consegui sem a ajuda da Cait escolher uma roupa que eu definitivamente A-M-E-I e estava super feminina, como ela dizia que eu deveria me vestir. ( Roupa )

As 20 h em ponto ryan já estava me esperando,  Dei um beijo em minha mãe que estava finalmente em casa e desci, ele estava lindo, como sempre com um sorriso encantador nos labios. O restaurante não era chique, mais também não era um daqueles que se diga que espelunca.  Era um otimo restaurante, nos sentamos em uma mesa onde dava pra ver as pessoas na rua pelo vidro.

Pedimos, nosso prato principal, comemos e ficamos conversando.

- Esta gostando Princesa? – ele sorriu
- Estou amando Principe! – sorri ele era realmente um principe tao cavalheiro awn, parecia que eu estava em um filme
- Garçon – ele fez um sinal – Traga Por favor!
-Trazer o que Ryan? – quis saber curiosa

Quando vi o Garçom estava Trazendo Champanhe, eu não era muito de beber, mais parecia que Ryan queria comemorar algo. Então eu aceitei uma taça, quando olhei para ela havia um anel dentro, um anel muito lindo (anel) sorri quando vi.

- Não acha que eu te pediria em namoro sem um anel! – ele sorriu – deixe-me pegar ele enfiou um talher e puxou o anel o enxugou em um guardanapo se levantou e veio ate mim se ajoelhou – Agora e oficial, Quer namorar comigo? – ele disse segurando aquele anel
- Sim! – disse e sorria como uma criança quando ganha um doce

Ele colocou o Anel em meu dedo e depois me deu um beijo e voltou para sue lugar, pedimos a 
sobremesa, comemos e depois fomos andar um pouco pelas ruas.

- Esta Feliz? – ele perguntou quando viu que eu não parava de sorrir
- Sim – ri – muito feliz!

Paramos e nos beijamos, um beijo calmo e bom. Assim como o primeiro. Nos sentamos em um banco.

- Parece que to sonhando! – ele disse e colocou uma mecha do meu cabelo atras da orelha
- Por que voce diz isso ? – sorri e dei um selinho nele
- Por que eu tenho uma namorada linda, e brasileira! – ele sorriu
- Own – disse e o abracei

Ficamos um bom tempo ali abraçados,depois nos levantamos e fomos para o carro já eram mais de 22h tínhamos que ir pra casa se não minha ame me mataria.  Entramos no carro Ryan Ligou o som,  estava tocando uma musica so sick do ne-yo, não era o ne-yo cantando disso eu tinha certeza, porem aquela voz me era semelhante só não lembrava de onde.

- Quem ta cantando?
- Ah, é um amigo meu! – ele sorriu e mudou de musica – meu melhor amigo!
- Não precisava tirar! – sorri – ele canta bem! – percebi q eu estava doida não conhecia essa voz
- E, ele participou de um concurso quando éramos pequenos, e eu fui vê-lo cantar essa era nossa musica preferida! – ele sorriu prestando atenção no caminho – e eu gravei, às vezes ouço e canto com ele!
- Voce nunca mais teve contato com seu amigo? – perguntei
- Não, depois que ele foi embora nos falamos umas 3 vezes e depois nunca mais.

O silencio pairou dentro do carro, e eu resolvi ficar apreciando a cidade que era iluminada a noite, quando paramos no sinal vi um garoto. Pensei comigo não pode ser, fechei os olhos e quando abri novamente ele tinha sumido, olhei pra frente e mentalizei. Não era ele, ele não esta aqui! Esta no Brasil, provavelmente sendo feliz com a Ronnie, e eu devo fazer o mesmo ser feliz com o Ryan.

Cheguei em casa, Ryan subiu pra desejar boa noite a minha mãe e dizer que eu  estava entregue. Vê se precisava disso?   Sorri e fui para o quarto, amanha era domingo! Ou seja dia de Hockey sim Ryan jogava Hockey e eu com toda certeza iria estar la torcendo pelo meu namorado lindo.

[...]

Acordei com minha mãe gritando. Levantei do jeito que estava (roupa) e fui ate a sala, nesse exato momento quis desaparecer, Ryan e os Pais dele estavam la. Dei apenas um Tchauzinho e voltei correndo pro quarto, vesti a primeira (roupa) que encontrei e voltei para a sala, não sabia onde enfiar a cara. Ficamos conversando depois Ryan e eu fomos para meu quarto, ficamos la deitados conversando quando ele passaria a tarde la em casa. Ficamos vendo um filme que passava na TV e adormecemos, acordamos com o escândalo da Cait enxerida.

- CADE O ANEEEEL? – ela pulou em cima da gente – AAAAI QUE TUUUDO
- Calma Cait – eu ri  e estendi a mão
- AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH QUE PERFEEITO AMIGAAAA! -  ela gritou
E Ryan apenas ria do escândalo dela.
- Ta ne – ela disse respirando fundo – acalmei! – sorriu – vou deixar os pombinhos namorarem!! – ela piscou e saiu do quarto

Nós ficamos apenas juntinhos, ele era tão fofo comigo, e eu realmente adorava estar com ele. Ele e um verdadeiro príncipe alem de lindo.

Quando nos demos conta já estava quase na hora do jogo, Ryan foi primeiro tomar banho e procurei uma (roupa) pra ir ao jogo, uma roupa simples mesmo. Depois iríamos tomar sorvete. Ele iria acabar me engordando com esses mimos todos.

Chegamos no Jogo, Cait não foi e nem Chaz apenas eu fui para torcer com toda vontade para meu namorado. Eu me senti perdida no meio daquele povo todo, mais Ryan me olhava a todo momento durante o jogo.  No intervalo sai e fui comprar algo para comer, e eu vi novamente alguém parecido com o Justin, não me contive e fui ate a pessoa.

- Justin? – perguntei tocando seu ombro
- Não! – O garoto me olhou esquisito
- Me desculpe! – disse e sai

Meu Deus, não acredito eu estava completamente paranóica ai que vergonha, pensei voltando para meu lugar. Eu estava realmente ficando louca, foquei no jogo, meu lindo estava indo muito bem. O time deles Ganhou.

- Ganhamos Amor! – ele disse me dando um beijo na testa e logo em seguida um selinho.
- Parabéns Príncipe! – sorri – vocês mereceram!
- Ryan! – Chaz apareceu o chamando do nada

Os dois foram pro vestiário e eu fiquei esperando na porta,  quando saíram Ryan não estava com uma expressão muito feliz.

- Que foi Príncipe?
- Ele voltou! – ele revirou os olhos
- Seu melhor amigo? – quis saber
- Sim!
- E isso não e bom? – perguntei confusa
- Não quero falar dele agora Jane!
- Tudo bem!

Nos demos as Mãos e saímos, paramos na sorveteria mais próxima. Meu celular tocou.

- Oi Cait! – disse rindo – qual o escândalo da vez?
- Preciso de você amiga! – ela disse com a voz chorosa
- O que houve amiga?
- Vai demorar muito ai?
- Não amiga, so vamos comprar um sorvete e já já vou para casa! Mais e algo grave?
- Só vem logo, Por favor!
- OK já vamos!
- Ela tava chorando? – Ryan perguntou
- Parecia que sim! – franzi o cenho – vamos deixar o sorvete pra depois?
- Bora! – ele balançou a chave do carro

Fomos para o carro, estávamos em um silencio absoluto.

- O que será que aconteceu com ela? – perguntei pensativa
- Ah amor, é claro que e por causa dele!
- Dele quem? -  pensei - do seu melhor amigo- chutei
- Sim, eles eram namorados! – ele balançou a cabeça – ele a deixou quando foi embora, mas ela nunca o esqueceu!
- Nossa!
Logo chegamos.
- Vai subir? 
- Não amor, vou pra casa! – ele acariciou meu rosto – se importa?
- Tudo bem príncipe! – acariciei seu rosto também -  hoje o dia foi puxado! – o beijei
Depois subi, fui direto para a casa da Cait, ela estava jogada na cama quando eu entrei parecia ter  chorado bastante.
- Amiga! – disse abraçando ela – não fique assim!
- Ele voltou! – ela choramingava – mas não vai voltar pra mim! – ela se deixou levar pelo choro
- Chora! – acariciei seu cabelo – vai passar!
- Quer falar mais alguma coisa amiga? – tirei seu cabelo do rosto – desabafa!
- Jane, ele e o amor da minha vida! – ela se entregou ao choro novamente – quando ele foi embora, levou com ele um pedaço de mim. Ele era meu tudo! E vai continuar sendo sempre!
- Tenta voltar com ele amiga! – sugeri – nunca me apaixonei assim por ninguém. Mas imagino que pra ele você deve significar algo.
- Se eu significasse, ele não teria ido! – ela enxugou as lagrimas
- Voce já o viu? – perguntei – já tentou conversar com ele?
- Não amiga! Ele provavelmente vai estar em Harvard, vamos vê-lo direto!
- Eu vou estar com você! – sorri – vou te ajudar ok? – levantei seu rosto – ou não me chame Jane Albuquerque!
- Obrigada amiga! – ela me abraçou – você e minha primeira amiga de verdade! – ela enxugou as lagrimas – e muito bom poder contar com você!

[...]

Cheguei na sala de aula estava sozinha, não tinha ninguém. Achei estranho pois já tinha algum tempo que a aula deveria ter começado. Peguei meus livros e fui ate o meu armário olhar meu horário novamente, abri o armário e estava checando o Horário quando alguém empurra a porta do meu armário batendo em meu braço e fazendo com que eu derrube os livros me abaixei para pegar, e ele também era um menino pelo tênis, quando enfim o olhei não pude acreditar, mergulhei naqueles olhos cor de mel, e naquele sorriso perfeito que eu não via faz muito tempo. Eu paralisei, fiquei apenas o olhando parecia apenas uma miragem, pude logo notar a diferença, sua bela franja havia sumido e seu cabelo tinha um corte bem mais moderno.
- Jane? – ele disse e sorriu mais ainda

E AIII O QUE ACHARAAAM?? ESTAO CURIOSAAAS?? COM 6 COMENTARIOS POSTO O CAPITULO 30 *-* ESPERO QUE ESTEJAM GOSTANDO .. COMENTEM E DEIXEM CONTATO NOS COMENTARIOS .. TTWITTER OU FACEBOOK. BJOOOS AMO VOCES :**

16 de jan de 2013

The Rest Of My Life Capitulo 28


- Jane! – ele se aproximou – preciso falar com você!
-Já volto! – disse a Alice – O que você quer falar comigo? – perguntei enquanto íamos para um canto
-É – ele me olhava e parecia aflito
- O que é? – perguntei ao vê-lo daquele jeito parecia nervoso – você ta bem?
- Estou! – ele disse soltando um suspiro pesado – e que queria te dizer que quando quiser ir embora e so falar ok? – ele sorriu
- Ah é isso? – ri – tudo bem! Estou me divertindo – sorri animada – vamos dança? – o convidei
- Impossível recusar um convite da minha brasileirinha! – ele sorriu e fomos para o meio da pista

Dançamos, nos entrosamos e juro rolou aquela atração, tanto de minha parte quanto da dele, mais não passou disso, estávamos muito bem entrosados mais logo nos cansamos e fomos nos sentar.

-Você é um Maximo! – ele disse sorrindo e ofegante
-Que nada – sorri – eu fiz aula de dança quando era criança!
- Mais uma coisa pra você me ensinar! – ele sorriu de orelha a orelha
- Hum deixe-me contar! – disse fingindo contar com os dedos –é claro que te ensino Ryan! – sorri
- Jane! – ele pôs sua mão sobre a minha
- Jaane! – Alice apareceu interrompendo Ryan trocando as pernas – ate que enfim te achei! – e ela caiu em cima de mim
-Alice! – Ryan disse e se levantou para a ajudar a se levantar – cadê o Michel ?
- Que Michel? – ela perguntou estava claramente bêbada – ele me abandonou! – ela disse choramingando
- Alice! – disse olhando pra ela – ele te deixou aqui sozinha e foi embora?
- foi Jane! - choramingou – me deixou sozinha e não vou poder ir pra casa!
- Te levamos em casa Alice! – disse tentando a acalmar – podemos? – perguntei a Ryan
-Claro! – ele sorriu – vamos?

Nós levantamos Alice, e a levamos pro carro ela estava tão bêbada que acabou dormindo no banco traseiro do carro. Logo chegamos na casa dela, Ryan que era conhecido da família dela levou ela ate na porta e depois voltou pro carro.

- Ufa! – ele disse assim que entrou no carro – ela sempre deu trabalho! – sorriu – ela e Michel sempre brigam quando ela bebe
- Nossa que chato! – olhei para ele por um tempo – você mora aqui dês de quando?
- Vim para cá quando ainda era pequeno, vieram minha família e a família do meu melhor amigo.- ele soltou um suspiro pesado - Só que depois da separação dos pais dele eles se mudaram daqui.
- Nossa! – pus minha mao sobre a dele – que triste!

Nos olhamos, com uma ternura imensa, nossos olhares se calaram em um beijo caloroso, que se iniciu lento e depois foi ficando mais rapido, o beijo terminou com uma mordidinha no labio.

- Desculpe! – ele disse me olhando
Eu dei um selinho nele e depois sorrimos.
- Vamos? – perguntei
- Claro Princesa! – ele sorriu e beijou minha testa o que me fez sorrir automaticamente

[...]

Assim que cheguei, troquei de ( roupa ) e deitei em minha cama, meus pensamentos me levaram ao beijo desta noite. Sorri ao me lembrar do momento. Não sei o que me levou a querer beija-lo, talvez fosse carencia. Adormeci.
Acordei, olhei para o relogio 9:00 da manha, amém hoje era sabado, levantei peguei o celular e la estava um sms do Ryan.

“ Bom dia Princesa! Beijos do seu canadense ”

Meu Deus, eu tinha ficado com Ryan, como iria ser de agora em diante? Me questionei, eu iria seguir com essa historia? Respondi o sms dele.

"Bom dia Principe, mil beijos de sua Brasileirinha!"

-Heeey Gata! – caitlin disse pulando em cima da cama – como foi ontem?
- Nem te conto! – me ajeitei na cama – eu e Ryan nos Beijamos!
- AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH – Ela gritou – não acredito! – e começou a ficar desinquieta – me conte tudo, como foi? Foi bom? Voces estao ficando?
-Calma! – sorri – uma pergunta de cada vez! – respirei fundo – a festa foi otima! – sorri
- Pula logo pra parte do beijo! – ela disse euforica
-Ta! – ri – tipo fomos levar Alice em casa, e começamos a conversar dentro do carro, e de repente nos olhamos e ambos nos aproximamos. – suspirei – ai foi tao bom!
- esta apaixonada! – ela disse rindo – que lindo Amiga! – estou emocionada por voce!
- Olha isso! – Mostrei a mensagem que ele havia mandado
- AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH – ela fez outro escandalo – que liindo – sorriu – é o amor!
- e voce ? – sorri – porque não fica com Chaz?
- Chaz? – ela me olhou com reprovação – não e uma boa experiencia ficar com amigos pra mim! – ela fez cara triste
- Por que?
- Não quero falar disso por favor!
- Ok! – sorri – nada de tristezas Hoje e um dia feliz! – me levantei da cama
- Sim um dia feliz, - caitlin também levantou – voce esta namorando! – ela riu

Vesti uma ( roupa ) e depois sai do quarto, fomos para a rua. Quando desci encontramos os meninos sentados Ryan veio em minha direção.

- Oi! – ele disse meio sem graça
- Oi – eu disse e lhe dei um selinho

Sorrimos e fomos nos juntar aos outros.

- Ahaaam neee! – chaz disse – des de quando este namoro ai?
- Des de ontem! – Caitlin disse e se sentou
- Pera ai! – Ryan Disse – não e namoro ainda.
- É não e namoro ainda! – eu confirmei e depois ri
- Quer namorar comigo? – Ryan disse se ajoelhando em minha frente segurando uma de minhas mãos.

E AAAI AMOOOREES, O QUE ACHARAM?? COM 7 COMENTARIOS POSTO O CAPITULO 29 QUE VAI PEGAAAR FOOGO SUAHAUHUSA' ESPERO QUE ESTEJAM GOSTANDO .. COMENTEM O QUE ACHAM QUE VAI ACONTECER?? JANE  VAI ACEITAAR?? COMEENTEM LOGO QUE LOGO VERAO OQ VAI ACONTECER ... AMORES, QUUEM QUISER DEIXA O SEU TWITTER AI NOS COMENTARIOS PRA EU SEGUIR E ENTRAR EM CONTATO COOM VCS BJOS .. ATE A PROXIMA!! 

10 de jan de 2013

The Rest Of My Life Capitulo 27


Na faculdade era bem diferente da escola sim, em alguns aspectos, os professorem definitivamente não estavam nem ai pra você, pra eles tanto faz se você esta ou não prestando atenção na aula, percebi isso porque havia um garoto em minha sala que estava dormindo, ele sentava no canto oposto ao meu la no fundo, ele estava com um capuz na cabeça. O vídeo continuou, estava falando sobre a história da arquitetura e logo terminou. O  garoto ainda estava com a cabeça abaixada e nada da professora ir ate ele ver se algo tinha acontecido. Eu estava morrendo de vontade de fazer isso, mas como aqui não era o Brasil e eu não sei como ele me receberia resolvi ficar quieta mesmo.  Logo a Primeira aula terminou, havia um intervalo de 20 minutos para cada aula, na parte da manha tinham 4 aulas e na tarde a mesma coisa.

[...]

- E ai Jane, o que achou das aulas? – Ryan perguntou assim que o encontrei na saída da ultima aula
- A primeira foi bem tediosa – fiz careta – mas as outras três foram bem legais! – sorri – e as suas?
- Todas Legais! – ele sorriu – vamos almoçar por aqui mesmo? – perguntou
- Não sei, pra mim tanto faz! – sorri – e Caitlin e Chaz? – quis saber
- Bom, Chaz mora logo ali provavelmente não o veremos durante o dia só a noite! – ele sorriu – e Caitlin já deve ter ido para casa!
- Ah, então vamos! – sorri o acompanhando
Fomos para um restaurante Self Service, nos servimos e sentamos para almoçar. Almoçamos em pleno silencio até meu celular acabar com ele.
- Alo! – disse em português e não falaram nada – Alo? – disse novamente – quem é? – perguntei e então desligaram
- Quem era? – Ryan perguntou
- Não sei , não falaram nada e depois ainda desligaram!
- hm – ele riu – Bonito você falando em Português! – ele sorriu
- Ah – senti minhas bochechas arderem – obrigada! – sorri
- você poderia me ensinar a falar português! – ele sugeriu
- Ryan  - fiquei meio receosa mas continuei -  por que você não gosta do Brasil? 
- Jane, não é que eu não Goste! – ele sorriu – eu adoro o Brasil! – ele fez desenhos circulares na mesa – todo mundo adora o Brasil!
- Então ..
Fui interrompida pelo celular do Ryan que começou a tocar, enquanto ele atendeu vi que já estava quase na hora de voltar para as aulas, fiz sinal e ele sussurrou que iria depois.

[...]

Quando cheguei em casa, estava exausta, o dia todo com aula teórica, a mais chata foi a de historia da arquitetura, que tive ela na parte da manha aquele bendito vídeo, e na tarde explicação dele.  Tomei um banho e liguei o computador, Tommy estava online no skype iniciei a ligação.
- HEEEEEY MIIGO! – disse emocionada – Como estão as coisas ai? Ta gostando da faculdade??
- OOOOI MINHA PEQUENA!! – ele disse sorrindo de orelha a orelha – esta tudo ótimo, eu to amando! E ai em Harvard? Me conte e os gatinhos?
- Esta tudo ótimo, estou adorando! – sorri fiz vários amigos já! A Caitlin, o Ryan e o Chaz estão em Harvard também! Os meninos são uns fofos e a Caitlin uma liinda você tem que vê-la! – soorri – e teem o fofuxo do irmão dela o Chris!
-Ah amiga estou morrendo de saudade! – ele disse triste
- Também Estou Tommy! – fiz bico
- Tenho que desligar agora! – Tommy disse – outra hora nos falamos mais! – ele mandou beijos e saiu

Continuei no computador, procurei por Matt ou Joe mais nada, nem sinal de nenhum dos dois. Fiquei olhando umas fotos, e acabei chorando de saudade do meu pequeno. Depois desliguei o computador e fui dormir.
Na sexta feira acordei cedo, teria uma apresentação da turma e a noite uma festa. Me arrumei e fui para a aula ( roupa ) era hoje que eu faria alguma amizade dentro daquela sala, era impossível já havia 4 dias e eu nem tinha conversado com ninguém.
A apresentação foi Breve, mas o garoto que vivia dormindo não estava na sala hoje. Pro meu desanimo, depois da apresentação as aulas iniciaram e nada do menino chegar, achei que ele não iria vim, só tivemos aulas na parte da manha depois fui correndo pra casa, Caitlin e Chaz não iriam a festa, só eu e Ryan, mas Caitlin estava empolgada e iria me ajudar a me arrumar.
A tarde, arrumamos o cabelo, as unhas e escolhemos o vestido sapato e os acessórios, foi bem divertido, as horas passaram voando e logo estava na hora de se arrumar. Ryan viria me buscar, e as 20h em ponto eu estava pronta ( roupa ). Desci e ele estava encostado na porta me olhando.

- Uau! – ele disse me olhando fixamente – você ta linda!
- Obrigada! – sorri – vocee também esta lindo – disse o olhando
- Vamos? – ele sorriu e abriu a porta do carro pra mim
- Vamos! – sorri
Fomos conversando e percebi que ele estava  bem sorridente, cantarolando!
- Por que esta tão feliz? – perguntei animada
- La você vai saber! – ele sorriu
- Ah não vale! – disse fazendo bico – você e mal!
-Nem sou Jane! – ele sorriu e estacionou o carro
- To nervosa! – sorri – não conheço ninguém la
- Eu estarei com você! – Ryan sorriu e ficou me olhando fixamente e sorrindo
- que foi? – perguntei envergonhada
- você esta muito linda! – ele disse acariciando meu rosto
- Obrigada! – sorri olhando para baixo
- Anda Buttler – alguém bateu no vidro
- Hey – ele disse abaixando o vidro – já vou cara!
- Vamos? – perguntei sorrindo
- Vamos , espere ai ! – ele disse e saiu do carro ficou parado na porta do carro e conversou com um garoto, ele estava usando uma camiseta branca e uma jaqueta jeans por cima. Não deu pra ver quem era, e nem pra ouvir a voz mas não demoraram – vamos? – ele disse abrindo a porta pra mim rapidamente
- sim! – sorri
Entramos juntos na festa, Ryan me apresentou para os amigos dele, que foram todos receptivos, eram três o Michel, o Tod e o James. As namoradas deles eram de minha sala, e fizemos amizade Alice era namorada de Michel, Manu de Tod e Vick de James. Elas eram super simpáticas. Eles eram amigos de da escola.
- E ai Jane – vick disse sorrindo – ta pegando Ryan Ne espertinha?
- Claro que não! – ri – somos so amigos!
-Aham ta acreditamos! – Manu disse rindo
- Relaxa Jane! – Alice disse – elas são meio loucas!
- percebi – sorri – vocês são de minha sala não e?
- Eu sim! – ela sorriu – as meninas não elas são da sala dos meninos – ela revirou os olhos – muito sortudas!
- que bom pelo menos conheço alguém de minha sala! – disse aliviada
- Seremos ótimas amigas de classe! – Alice sorriu
Ficamos conversando ali por um tempo, Alice era bem simpática, e não era patricinha. Fiquei feliz de conhecê-la, a conversa estava ótima, mas Ryan nos interrompeu. 

E AII GEENTE, OQ ACHAAM QUE VAI ACONTECER??? HMM COMENTEEM. COM 5 COMENTARIOS POSTO O CAP 28 >< GEENTE ESPERO QUE ESTEJAM GOSTANDO!! AMO VOCES E OBRIGADA PELO CARINHO! *-* AAAH APROVARAM O NOVO VISUAL DO BLOG?? FOI A LIINDA DA  QUE FEEZ! *-* BOM GENTE COMENTEM, E DEEM SUAS OPNIÕES BEEIJOS ATÉ MAAIS.