28 de jan de 2013

The Rest Of My Life Capitulo 30


- Oi – disse pegando o livro que estava na mao dele e saindo de perto dele
- Onde voce vai? – ele disse em portugues
- Pra minha sala! – eu respondi
- Voce faz arquitetura? – ele sorriu
- Sim! – Agora pode se retirar?
- A professora não veio hoje! – ele riu – temos aula livre
- Ah obrigada por avisar! – ri sinica e continuei sentada –espera! – pensei – Temos aula live?
- Sim! – Ele se sentou ao meu lado
- Como voce sabe? – perguntei brava – e o que voce ainda ta fazendo aqui?
- Tinha um Comunicado no email – ele sorriu – hey eu estudo aqui!
- O que? – fiquei pasma com a noticia  quando lembrei – Voce é o menino que ficava dormindo! Não acredito! – cruzei os braços
- Quem aguenta aquelas aulas chatas? – ele riu – não sabia que voce estava aqui em Harvard!
- Neu eu que voce estava aqui, e muito menos na mesma sala que eu! – bufei
- Hey, eu morei aqui! – ele sorriu – e alem do mais sempre sonhei em fazer arquitetura!
- Da licença, já que não vai ter aula vou pra casa! – sai e o deixei la

Eu não estava acreditando no que estava acontecendo, era coisa demais pra minha cabeça. Entao eu não estava ficando louca, foi ele mesmo que eu vi quando passei de carro. Sai da universidade e fui andando, no meio do caminho encontrei chaz .

- Ei Jane! – Chaz me comprimentou – somos as unicas almas na rua a uma hora dessas – ele riu
- Pois e! – ri –  voce também não tem aula hoje?
- É – ele riu – ninguem teve aula hoje – Bora la pra casa, já ta todo mundo indo pra la!
- Vamos! – sorri
Fui para a casa de Chaz, chegando la, Cait não estava. Vi apenas Ryan e Chris .
- Oi amor! – Ryan veio me dar um beijo
- Oi –  sorri – Cade a Cait Principe?
- Ela não vem! – ele disse com desanimo – e eu tambem não queria vim!
- Por que?
- Chaz chamou ele! – ryan revirou os olhos
-Mais caitlin precisa vim! – disse abismada – Vou até la busca-la!
- Ela não vai vim amor! – ryan riu
- Entao vamos ver! – dei um beijo nele – já volto! – e sai

[...]

Quando cheguei, fui ate minha casa primeiro, fui direto para a casa da Caitlin convence-la a ir até a casa doChaz.

 - Jane eu não vou até la! – ela disse quase chorando – não vou ter coragem de ver ele!
- Vai amiga! – voce vai – vou estar la com voce!  -  disse convicta - voce é forte e consegue!
- Ok amiga – ela sorriu – eu consigo! – saiu correndo pro closet – não sei o que vestir!
- Vai simples amiga – sorri – não se arruma demais não se não ele vai pereceber que voce se arrumou para ele! – ri
- Amiga, vai se arrumando eu preciso ir ate minha casa! – precisava falar com Tommy – preciso falar com um amigo meu la do brasil!
- Ok  amiga! – não demore
- Acho que vou demorar! – sorri – pode ir que eu te encontro la!
- Ta bom amiga! – ela riu – mais não demore muuito não quero ficar sozinha la com ele
- Ta bom! – a abracei – boa sorte!

Fui correndo para casa, liguei meu computador! E nada do Tommy por la, peguei o celular e tentei ligar, naada de atender. Mais que Droga, entao resolvi ir logo para a casa do Chaz. Quando desci Cait já tinha ido, entao fui sozinha mesmo.
Quando cheguei la, tinha mais gente, os menino estavam na piscina, Cait estava na cozinha, fui ate la.

- Oi amiga! – sorri – e ai já falou com ele?
- Não ele não chegou ainda! – ela sorriu – to nervosa!
- Ram ram – alguem nos interrompeu
- Que foi Chaz? – Cait disse
- Chegou! – ele disse sorrindo – ta la na piscina!
- Vai la amiga! – disse empurrando a Cait
-E seja o que Deus quiser! – ela sorriu e foi

Fiquei na cozinha por um tempo, preparei algo para comer. Eu estava faminta. Fiz um sanduiche, comi e depois resolvi dar as caras la na piscina.

- Amor – Ryan disse sorrindo – quero te apresentar me melhor amigo!
- Cade ele?
- Ta sentado ali – ele apontou para um garoto de preto – Dude! – ele chamou  quando nos aproximamos e o garoto se virou

Não estava acreditando, era demais pra mim.

- Jane? – ele sorriu – o que faz aqui?
- Se conhecem? – Ryan perguntou
- Sim Cara,  - ele sorriu – eramos amigos la no Brasil!
- É! – confirmei fingindo estar alegre e sorri forçado
- Entao voce sabe o quão maravilhosa ela é! – ryan sorriu e me deu um selinho
-Voces estao namorando? – justin perguntou parecendo não entender nada
- Sim! – Cait interrompeu – olha que perfeito Jus o anel que ele deu pra ela! – ela apontou para minha mao
- Perfeito – sorri sincera – e o mostrei!
- Gente tenho um compromisso agora! – justin disse olhando o relogio
- Mas Já? – Cait disse triste – fica mais um pouco?
- Não posso pequena! – ele disse acariciando o rosto dela não pude crer ele chamou ela de pequena tentei não deixar a raiva tomar conta de mim – tenho que ajudar minha mae a resolver umas coisas.
- Ok entao Jus! – ela sorriu mas com os olhos tristes
- Tchau Gente! – ele disse e saiu

[...]

Mais tarde quando cheguei em casa, parei pra pensar. Meu Deus, ele foi namorado da minha mais nova melhor amiga, ela ainda é completamente apaixonada por ele. Eu estou namorando o melhor amigo dele, e sou completamente apaixonada por ele. Mas que confusão. Fui interrompida pelo barulhinho do skype. Uma chamada de Tommy

- Oi Tommy! – disse baixo astral
- O que aconteceu Jane? – ele quis saber
- Tenta adivinhar? – ri desanimada – é uma confusao só – coloquei a mao na cabeça
- Conta! – ele disse se ajeitando na cama
- É uma longa História!

Ficamos conversando, contei toda a historia para ele, ele ficou escandalisado com tudo, não sabia nem o que dizer, ou seja eu estava completamente perdida. Não sabia o que fazer, depois da conversa com Tommy, chequei o email da turma e estava la o aviso da professora, que não havia aula durante essa semana por estar faltando alguns professores da rede. Tomei um banho, e deitei. Pensei em tudo que já havia acontecido em minha vida, nas mudanças, boas e ruins, nas pessoas que conheci, nas coisas erradas que fiz, e nas escolhas que eu acabei fazendo.  Em como seria de agora em diante, como  seria meu convivo com meus amigos que sempre foram amigos dele, des da infancia . Milhares de coisas se passaram em minha cabeça, me entreguei ao choro, e adormeci.

Acordei era quase 5 h da manha, revirei na cama e entao me vesti e sai, fui andando sem rumo, achei uma trilha, resolvi seguir, ouvi um barulho fiquei meio assustada mais era um gato, ri do meu medo, e continuei andando, ate que cheguei perto de um pequeno espaço verde com um lago, pro outro lado tinha um campo plano e verde tentei olhar mais não pude ver direito já estava claro,  me sentei um pouco em um tronco  fiquei olhando pra agua fui interrompida quando meu celular tocou.

- Oi mae!
- Onde voce esta uma hora dessas Jane?
- To indo pra casa, sai pra andar!
- Andar em pleno 6:30 da manha? Ta louca filha?
- Já to indo mãe! – desliguei e voltei para casa.
Quaqndo cheguei em meu quarto deitei, e acabei adormecendo novamente.

[...]

- Jane! Jane! – caitlin me sacudia
- que foi ? – disse assustada
- Vamos ao cinema hoje! – ela disse sorridente
- Voce e Justin? – tentei sorrir sinceramente
- Nãao ne dã! – ela disse fazendo careta – nós 4 né! – ela disse como se fosse obvio
- O que?
- Eu voce, Justin e Ryan! – ela sorriu
- Não Cait! – me sentei – não estou muito bem!
- O que voce tem amiga?
- Estou meio enjoada e com dor de cabeça!
- Talvez voce melhore ate de tarde!  - ela disse meio triste
- É! – disse tentando me animar
- Vou deixar você descansar amiga! – ela saiu do quarto

Eu fiquei ali um tempo apenas olhando pro teto, depois peguei o computador, fui olhar meu twitter tinha tempo que não olhava. Tinha uma DM do Matt .

“Jane, saudades minha linda! Olha, o aniversario do Joe ta chegando estamos pensando em leva-lo ai pra um passeio.”

Isso me deixou feliz, liguei o msn pra ver se ele estava on, e por sorte estava.

- Oi Matt *--*
- Heey Jaane!  Como esta?
- Estou levando, desculpe por não responder a DM . Não estava entrando no tt
- Relaxa meu anjo! Mas ai o que achou da idéia que tivemos?
- Otima, eu adoraria. Já que não poderei ir para o Brasil tão cedo :/
- Mas estamos vendo ainda!Adivinha quem chegou aqui ?
- Joe?
-Sim, espere  vou ligar a câmera.

Ele ligou a câmera e conversamos por vídeo.

- Oi meu pequeeno! – disse sorrindo
- Oi maniinha – ele sorriu também – estou com muita saudade! – ele disse abraçando Matt
- Eu também pequeno! – não contive minhas lagrimas
- Não chora maninha! – ele disse com os olhinhos cheios de lagrimas – cadê a mamãe?
- Meu amor, ela ta no trabalho – disse - a noite ela te liga quando chegar ta?
- Ta bom irmã! – ele me deu um Tchauzinho – tenho que ir, vou na casa do meu amiguinho!
- Tudo bem Joe! – sorri – se cuida meu anjinho Te amo! – joguei um beijo
- Também te amo – ele jogou um beijo e saiu correndo
- Ele anda bem tristinho – Matt disse – hoje ele ta mais alegre porque vai na casa desse amiguinho da escola!
- É, agente era bem grudado – disse triste
- E ai – ele se endireitou na cadeira – como esta em Harvard?
- Ah, esta ótimo! – sorri – fiz amigos ótiimos aqui! – sorri – adivinha quem esta aqui em Harvard e na minha sala? – mudei de expressão
- Quem? – ele riu – Justin?
- Acertou – disse olhando pra baixo – não acredito sabe, não sei pra que ele apareceu aqui.
-Mais Jane! – ele riu – eu acredito que ele goste de você!
- Não ele não gosta de mim Matt!
- Sim Jane! – ele sorriu – ele gosta, e eu sei disso!
- Como? – perguntei confusa
- sim Jane! – ele se endireitou novamente na cadeira – ele nao me disse nada, mas eu percebi!
- Não Matt, você voltou com isso? – perguntei indignada – nao acredito!!
- Não Jane! – ele riu – ta louuca? Não quero isso nunca mais na minha vida! – ele riu novamente – eu percebi pelo jeito como ele te olhava.
- Como assim?
- Lembra naquele dia, la na sua casa no seu quarto jogando vídeo game? – ele riu – ele te olhava com ternura Jane! – ele parecia se recordar do momento ou de como ele me olhava
- Mas ele estava namorando a Ronnie! – ri – claro que ele gosta de mim e vai namorar outra Matt! – disse irônica
- Jane, talvez ele tivesse outros motivos pra isso! – ele se calou por um instante – sei la ele devia achar q vc não ligava pra ele, ou sei la .
- Não isso não tem nada a ver !
- Preciso desligar agora! – ele fez cara de triste – Depois nos falamos!

Depois que desliguei o computador fui pra sala, fiquei la vendo TV achei um canal que estava passando X-Factor eu adorava ver la no Brasil, então fiquei vendo.

[...]

E assim se resumiu meu dia, que passou voando, dei Graças a Deus por Ryan não ter aparecido. Caitlin havia ligado, e eu disse que não estava bem, mas pensando bem eu não tinha mentido para ela.  Já era Noite.

- Filha já vou! – disse minha mãe dando um beijo em minha cabeça – vou sair com as amigas do trabalho!
- Ok Mae! – sorri – se divirta!
- Não vai sair com seu namorado? – ela quis saber
- Não mãe! – sorri – hoje vou ficar em casa mesmo!
- Ta qualquer coisa me ligue querida! – ela mandou beijo e saiu

Otimo, pensei estou totalmente sozinha fiquei mais um tempo vendo TV e quando criei coragem me levantei do sofá para ir pro quarto foi quando a campainha tocou.

- Esqueceu a Chave? – disse sorrindo ao abrir a porta meu sorriso se desfez ao ver que não era minha mãe e sim justin – como descobriu onde eu moro?
- Eu não sabia que era aqui! – ele sorriu – encontrei sua mãe la na rua eu estava passando aq e ia visitar a Cait, vi sua mãe ela disse que vocês estavam morando aqui!
- Droga! – resmunguei
- Posso entrar? – ele pediu inquieto me olhando fixamente com aqueles olhos perfeitos onde eu podia me perder
- Entra! – disse e larguei da porta e voltei pro sofá
- Porque você mal olha pra mim? – ele quis saber- eu te fiz algo?
- Não justin nada! – sorri e liguei a TV
-Jane! – ele me chamou com a voz firme
- que foi? – disse sem tirar os olhos da Tv
- Podemos conversar?
- Fala! – disse pouco me importando
- Olha pelo menos pra mim por favor? – ele se levantou – poxa Jane, você quando quer e irritante sabia?

Eu apenas ri

- E ainda ri? – ele disse serio
- Sim – ri novamente
- Eu adoro seu jeito! – ele disse e abriu um lindo sorriso
- ah vc me ama justin!- disse de zoeira
- sim jane! – ele riu

Ficamos em pleno silencio, por um tempo.

- Preciso ir! – ele disse quebrando o silencio – ganho pelo menos um abraço seu?
- pra que? – fiz careta
-Se não quer não precisa! – ele disse indo em direção a porta
- Espera! – disse indo atrás dele
- Que?

Ele se virou e nos aproximamos, eu o olhei por um instante,fixamente, ele me encarou com aqueles olhos lindos e sorriu, sorri ao ver o seu sorriso, um dos mais perfeitos que ele já tinha dado. Não sei o que aconteceu naquele momento, senti minhas pernas tremerem, meu coração acelerar, ele pegou em uma de minhas mãos que estavam soando, se aproximou, e nos abraçamos. Forte, tanto eu quanto ele, me senti a pessoa mais protegida do mundo inteiro, ali envolvida por aqueles braços que agora estavam um pouco mais fortes. Não senti vontade de terminar aquele abraço, mas infelizmente nossos corpos se separaram, ele sorriu novamente e me deu um beijo estalado no rosto.

- Boa noite pequena! – ele sorriu e saiu

E AIIIIIII AMOREEES O QUE ACHARAAM DO CAPITULOO?? ESTAO GOSTANDO?? COMEENTEM POSTO O PROXIMO COM 6 COMENTARIOS *-* FICO TAO FELIZ DE SABER QUE VOCES GOSTAM *-* ASSIM QUE CHEGAR AOS 6 COMENTARIOS EU POSTO O CAP 31  BEIJIINHOS >< 

7 comentários:

  1. aaaaaaaaah , muitooo boom ><' coontinuua :3

    ResponderExcluir
  2. Continua,continua,continua...Owwww tii fofo...ameii ^^ By: @juliana_swaggy

    ResponderExcluir
  3. Amor, se vc quer me matar, vem com uma faca, n precisa me fazer gritar e chorar lendo, vlh, sauhsuahsa' AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA,QUE PERFEITOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. owwnn que fofos! to amando! continua by @kennymyhusband

    ResponderExcluir
  5. OMB! que perfeitoo. continua.! por: Thalita moreira

    ResponderExcluir